Root https://www.ibge.gov.br/
Base https://www.ibge.gov.br/
Instance https://censo2022.ibge.gov.br/2963-c2020-censo-2020/c2020-hotsite/31956-ue-pi-estabelece-parceria-com-a-policia-militar-para-auxilio-no-trabalho-do-censo.html

UE/PI estabelece parceria com a Polícia Militar para auxílio no trabalho do Censo

Editoria: Censo 2022 | Da redação

19/10/2021 16h55 | Atualizado em 21/10/2021 23h36

Na sexta-feira (15/10), a UE/PI recebeu a visita de Oficiais  da Polícia Militar do estado do Piauí, para a apresentação de painel acerca da segurança pública no estado do Piauí, de forma a subsidiar de informações a plataforma do "Banco de Informações Operacionais e Sociais (BIOS) - Base de Informações sobre os Setores Censitários" do IBGE. Essa plataforma permite o levantamento de informações de áreas que apresentam mais dificuldades na coleta, o que auxiliará no planejamento e na coleta do Censo 2022, assim como em outras pesquisas domiciliares.

Major Álvaro Lebre apresenta dados da segurança pública no Piauí.

A apresentação do painel da segurança pública no estado do Piauí ficou a cargo do Major Álvaro Lebre Neto, da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar do Piauí, que repassou informações estatísticas e de localização dos principais pontos onde mais se registravam ocorrência de furtos, dentre outros delitos, das regiões da capital do Estado, bem como do interior. O Major Álvaro informou que irá disponibilizar os contatos de todos os Batalhões da PM para agilizar quaisquer demandas que o IBGE venha a apresentar para dar segurança aos técnicos da coleta em campo. Participou ainda do evento, o Capitão Emanoel Nascimento de Sousa, também membro da Diretoria de Inteligência da PM do Piauí.

Pelo IBGE participaram do evento: José Tavares da Silva Neto (GPS), Ranieri Ferreira Leite (Coord. Operacional do Censo), Pedro Andrade de Oliveira  (Coord. Técnico do Censo), Eyder Mendes Vilanova e Silva (Coord. de Divulgação do Censo), Vinícius Freitas Rego Lima (SBT/PI), Tiago Figueiredo de Brito Nery (CNEFE), Antônio Emanuel Guedes da Cruz (GPS), Roosevelt Pinheiro Serra Filho (Chefe da Agência Teresina) e Josiel Pereira dos Santos (Analista Censitário).


Informações ajudarão a identificar áreas com mais dificuldade para a coleta.

Mais notícias deste Estado